Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



PATONES DE ARRIBA, ESPANHA

por mmsfr, em 01.01.11

Hoje conhecemos...Patones de Arriba, perto de Madrid.

No primeiro dia do ano não podíamos deixar de aproveitar para fazer um passeio. Fomos até Patones de Arriba, aldeia que eu já tinha na minha lista a algum tempo para conhecer.

Fica a aproximadamente uma hora de Madrid e faz lembrar as nossas aldeias de xisto na Lousã.

Faz parte de um tipo de arquitectura que aqui chama de negra porque é feita essencialmente com ardósia o que lhe dá a sua tonalidade.

Visitá-la no Verão teria sido igualmente fantástico, mesmo assim é bastante turistica e vê-se muita gente passeando pelas suas estreitas ruas. Para chegar seguimos de Madrid apanhámnos a A1 em direcção a Burgos e saímos em Torrelaguna que também merecia uma visita e seguimos a direcção Patones.

Quando chegámos ao que chamam de Patones de Abajo começamos a ver logo a sinuosa estrada que sobe a Serra em direcção a Patones de Arriba. Tem estacionamento antes de entrar na aldeia. 

 

 

Logo á entrada está o Centro de Iniciativas Turisticas Educativas Culturales y de Ocio (CITECO), por ser o primeiro dia do ano e um "festivo" estava fechado, presumo que aqui conseguiriamos mais informação sobre a aldeia, mas na sua entrada está um mapa com os principais locais de interesse.

Depois foi disfrutar, andando pelas suas ruelas, vendo as casas, a sua construção e os seus pormenores.

 

 

 

Encontrámos alguns vestigios que nos indicavam que vivia ali gente naquelas casas mas nas ruas não vimos muitos habitantes senão os gatos. Esses sim são os reis de Patones de Arriba e há vários, com cores e pêlos variados, desde os laranjas aos brancos, dos pêlos curtos aos longos!Havia pequenos e grandes, mas todos muito giros. Fica aqui uma selecção de fotos de alguns, para quem gosta de gatos...Patones de Arriba é um paraíso.

Na aldeia vimos pelo menos um Hotel, o do Tempo Perdido, tem um nome curioso pelo menos. Não era muito grande mas sem dúvida pela sua localização deverá ter muito charme.

Uma das mais valias da aldeia é o seu envolvente natural, a sua vista para a Serra e as pequenas pontes de pedra por onde passamos para não molhar os pés num pequeno riacho. Aproveitando estas ricas paisagens, descansamos um pouco do reboliço da cidade e podemos ficar nem que seja só cinco minutos a contemplá-as...

 

 

 

Visitámos Patones depois de almoço e até nos arrependemos, o que não falta por ali são restaurantes, pelo menos dois vimos, um era o "El Poleo" que já me tinham recomendado e outro que há logo á entrada que é o "Rincón de Patones". Foi onde parámos para beber um café que custou uns 2,25€...é caro sim senhor! Mas pensando bem...estes locais sobrevivem apenas dos visitantes de fim de semana e dos ocasionais que ao dia de semana tem tempo para lá ir, há que fazer como a formiguinha e ir juntando.

A ementa tinha preços de um restaurante "in" de Madrid e a decoração por dentro era moderna e acolhedora. Infelizmente não posso falar da qualidade da comida porque não a provámos, fica para uma próxima visita...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:26




Google Translator


Guia de Cidades


Quantos visitaram II


Pesquisa

Pesquisar no Blog  

Onde Vivemos




Flag Counter

Follow on Bloglovin

Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Janeiro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031