Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


GALERIES ROYALES ST. HUBERT, BRUXELAS, BÉLGICA

por mmsfr, em 19.01.12

Para mim uma das curiosidades de Bruxelas foi a quantidade de centros ou galerias comerciais que se criaram em passagem dentro de prédios. É uma maneira interessante de atravessar uma rua sem ter que ir dar a volta a um quarteirão, é mais abrigado e ainda para mais podemos ver montras.

Estas em particular foram construídas com o objectivo de dar uma passagem alternativa ás ruas sinuosas e ruidosas da cidade. Neste caso o luxo está presente não só no seu trabalho de arquitectura como também no tipo de lojas que oferece.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:07

GRASMARKT, BRUXELAS, BÉLGICA

por mmsfr, em 12.01.12

Também conhecida pela Rue du Marché Aux Herbes é uma animada rua comercial que fica a dois passos da Grand Place.

Aqui não encontramos as Zaras nem as H&M, as lojas são mais pequenas mas muito apelativas. Há também alguns restaurantes na rua e claro não podiam faltar as chocolatarias que vendem os famosos chocolates da região. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:54

RUE DES BOUCHERS, BRUXELAS, BÉLGICA

por mmsfr, em 09.01.12

A Rue des Bouchers é talvez a mais conhecida de Bruxelas para encontrar um restaurante e comer as famosas "moules" (mexilhão), como em tudo tem pontos positivos e pontos negativos. A estreita rua enche-se de turistas e os restaurantes expõem nas suas montras o seu marisco, colocando empregados a "venderem" a ementa. Não começamos bem, diz a regra que se tem que te chamar para comer é porque alguma coisa se passará...

Parece á partida uma ratoeira turística e os coloridos neons que identificam os restaurantes parecem afastar os locais. Os guias também não ajudam, os dizem para fugirmos de ali outros recomendam, afinal em que ficamos? A Rue de Bouchers é ou não é um local onde podemos comer a cozinha típica belga? A resposta seria sim e não, a verdade é que ao longo do seu sinuoso trajecto encontramos de tudo, os que quase te pagam para entrar (e quando olhas para as salas estão vazios) e os que não chamam cliententela e estão cheios. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:13

MANNEKEN PIS, BRUXELAS, BÉLGICA

por mmsfr, em 06.01.12

Também conhecido por Petit Julien, o Manneken Pis é um fenómeno e um símbolo da Bélgica. A verdade é que custa a acreditar que uma escultura de pouco mais de 30cm de um menino a fazer xixi pudesse ter tanto impacto na cultura de um país. E digam o que disserem sobre o seu tamanho a verdade é que uma vez em Bruxelas é indispensável vê-lo pelo menos uma vez.

Se é um monumento de nos deixar de boca aberta? Não, é uma fonte com uma estátua em bronze e que em alguns dias do ano se veste de outra maneira e também ocasionalmente pode deitar cá para fora outros fluídos como cerveja em vez da habitual água.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:32

GRAND PLACE, BRUXELAS, BÉLGICA

por mmsfr, em 05.01.12

Na fase de planeamento da nossa curta viagem á Bélgica (mais para ver os mercados de Natal) fomos ouvindo várias opiniões que diziam que Bruxelas não tinha grande interesse ("É feia" - ouvi até) e para nos centrarmos em Bruges e Ghent. Tenho cá para mim que não há cidades feias ou desinteressantes mas sim experiências dentro delas que marcam a nossa opinião. Bruxelas é uma cidade bonita, á sua maneira e a percepção de beleza vai da mão (e do olhar) de cada um.

A Grand Place é o seu principal cartão de visita e a prova de que a cidade consegue surpreender-nos. Talvez tenha sido o momento certo para visitá-la e as horas certas, primeiro foi de noite e depois durante o dia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:00



Guia de Cidades


Pesquisa

Pesquisar no Blog  

Onde Vivemos


Posts mais comentados



Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Dezembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031